quarta-feira, 24 de abril de 2013

Alguém




Eu quero alguém que brinque comigo, me chateie, me faça amuar, me provoque e que me contrarie.
Quero alguém que ao olhar-me nos olhos, perceba que estou mal e faça os possíveis para me fazer sentir melhor.
Quero alguém que ao tocar-me, me faça sentir borboletas no estômago, que com o seu sorriso ilumine o meu dia.
Quero alguém que me agarre, como se o mundo fosse acabar e que, ao largar-me, já me deseje de novo em seus braços.
Quero alguém que me mime e me acaricie delicadamente, que me ensine o significado do verbo amar.
Quero alguém que conhecendo o meu pior lado, continue a gostar de mim.
Quero alguém que me aqueça, faça sol, faça chuva.
Quero alguém que me trate ao pé dos amigos, do mesmo jeito que trata quando estamos sozinhos.
Quero alguém que não se canse da minha companhia.
Alguém que faça guerras comigo e me deixe ganhar, só para me ver sorrir.
Quero alguém que mais que um amor, seja um amigo.
Quero alguém que seja imprevisível, que me surpreenda, que seja tonto e um doce de pessoa.
Quero alguém que me faça sentir saudades, que não me prenda, mas que me faça chorar de emoção.
Quero alguém não muito fácil, mas que também não seja demasiado difícil.
Quero alguém que me transmita confiança, que me abrace quando eu estiver com medo.
Eu quero alguém que seja meu confidente, meu amante. Alguém que me faça feliz, que me ame tal como eu amá-lo-ei.
Não peço demasiado, quero apenas…
Alguém que, com a sua imperfeição, me complete. Alguém simples, honesto, que seja ele mesmo e que seja tão belo por dentro como por fora.
Aproxima-te sonho, desejo, inspiração!|

                                                        Tatiana Pereira, 9º A, nº 18

0 comentários: