sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Os livros e a sua leitura





         Os livros, para mim, são sempre uma boa forma de expressão, pois eu sempre consegui compreender o que os escritores queriam transmitir.
         Mas eu sempre tive um problema: nunca consegui fazer uma expressão escrita com princípio, meio e fim. Eu nunca fazia rascunhos nem tópicos, porque achava que seria uma perda de tempo.
         No entanto, quando comecei a ler mais livros que o habitual, refleti e verifiquei que para se escrever um bom livro ou texto, era preciso fazer um esquema.
         Quando conheci pela primeira vez a nossa biblioteca, fiquei fascinada com tantos livros!
         Os livros de que mais gostava eram da coleção do Gerónimo Stilton. No primeiro mês em que estive na escola, consegui ler metade dessa coleção (25). Depois fiquei farta dessas histórias. Felizmente, descobri mais uma coleção fantástica de Thalita Rebouças. O livro que mais aprecio é «Que cena, amor», porque tem palavras engraçadas e capítulos motivantes. Esta escritora é brasileira e a personagem principal dessa coleção é a Malu.

         Neste ano, a minha professora de português apresentou-nos uma nova coleção da escritora Maria Teresa Maia Gonzalez a qual estou quase a terminar.

Mirabel Tomé, 6º H


0 comentários: